CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

segunda-feira, 19 de abril de 2010

RIP Scooby

Continuo triste cá dentro :( . Quem tem animais, sabe o que sinto!
É uma tristeza diferente da que sentimos quando perdemos uma pessoa, mas muito similar.
O Scooby tinha quase 13 anos. Era um rafeiro alentejano com cerca de 10kg. Era da minha mãe mas eu era a menina dele. Ficava doido quando sentia que eu estava a chegar. Ladrava, andava de um lado para o outro e deixava fugir umas pinguitas de xixi com tanta alegria por me ver.
Ele não era muito "sociável". Não era qualquer pessoa que lhe podia fazer festas. Quando ele era pequeno, um estúpido, apertou-lhe os tomatitos e, a partir dessa altura, deixou de ter confiança com estranhos! Como o compreendo!
Mas comigo era diferente. Adorava saltar para o meu colo para eu lhe fazer festas.
No sábado fomos com ele ao Hospital Veterinário do Restelo. A minha mãe disse que há uns dias que não reagia, não comia, quase não ía à rua (saltava aos pulos quando lhe falávamos em rua) nem reagiu quando eu entrei em casa o que me deixou muito triste. Ele tinha um cheiro estranho e não sabiamos do que era. Peguei na caminha dele com ele lá dentro e fomos.
Quando nos chamaram a médica perguntou o que se passava e começou a examiná-lo. Quando o tirei da caminha, as lágrimas vieram-me aos olhos. Aquele animal, de pelo lindo e brilhante, bem constituido para o peso e estatura dele, era pele e osso! A temperatura estava baixa e nem 5kg de peso tinha. Fizeram análises ao sangue e os valores acusaram uma deficiência renal. Foi fazer uma ecografia e retiraram-lhe cerca de 50/60ml de urina (para um cão daquele tamanho era muita).
O cheiro era devido à ureia que estava no corpo e que não era expelida pela urina. Taparam-no com cobertores, colocaram botijas de água quente para aumentar a temperatura, meteram-no a soro e levou duas injecções. Ficou para ser tratado. O quadro clinico não era abonador mas iam tentar fazer o que pudessem.
De tarde fomos visitá-lo. A temperatura estava melhor mas ainda era cedo para dizerem algo. Teria de ficar pelo menos 48h para observação.
No Domingo, às 12.32h recebi uma chamada. Era do hospital a dizer que não tinham boas notícias. O Scooby tinha falecido há cerca de 10m.
Eu não queria acreditar! Sabemos que tudo tem um fim. Sabemos que os cães têm uma média de vida de 15 a 18 anos, dependendo da raça, mas eu nunca vi o Scoobie como velho. Ele ladrava que se fartava, corria, saltava...tinha muita energia. Nunca pensei neste dia até que ele chegou...
Resta-me lembrá-lo para sempre.
Logo que possa coloco aqui uma foto dele para que vejam como ela era um cãozinho bonito

8 comentários:

aprendereorganizar disse...

Lamento Querida...Força os animais são doces custa tanto quando partem... é a lei da vida...
Beijinhos

♥Acessórios e Bijuteria - Handmade with Love♥ disse...

Pensamos sempre que eles vão ficar conosco para sempre... e de alguma forma ficam. Se bem que não é aquela que gostaríamos... Gostava de o conhecer. Aposto que era uma ternura :) Beijinhos e força!

Nicas disse...

Obrigada pelo vosso carinho ao comentarem. Pode não parecer, mas significa muito para mim.
Logo que possa coloco aqui fotos dele como homenagem ao cão lindo e fofo que ele era.
Um beijinho grande

Romy disse...

Olá Nicas,

Como eu te entendo, só mesmo quem tem animais é que nos compreende, o meu amiguinho já partiu vai fazer 3 anos em Junho, e não há dia nenhum que não me lembre dele.
Principalmente os cães são realmente nossos amigos, falam connosco, basta o olhar deles para percebermos se estão felizes , tristes ou doentes.
Lamento imenso.

1 bjnho

Nicas disse...

Obg querida Romy.
Bjs

O Báu da Mimi disse...

Ohh linda, lamento mesmo muito :((
Eu sei bem o k isso, e sofremos imenso :(
Beijinhos**

Papoila disse...

oLÁ....Bem...podia dizer muitas coisas... mas sei que não vão atenuar a tua dor...

Os nossos animais tocam a nossa vida de forma intensa...

Força

Beijo

ME disse...

Olá Nicas, desculpa a invasão, mas quero dizer-te que lamento muito, amo animais e o meu Kikas, que também tem 10 Kg (10 kilinhos de amor) e 5 anos é um grande amor cá por casa, adoramo-lo e por isso compreendo e estou solidária contigo neste momento. Ao menos podes sentir-te feliz porque lhe deste uma boa vida, com tudo o que ele precisava e de certeza com muito amor.

Beijo
ME